Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vale do Sousa em Destaque

Castelo de Paiva - Felgueiras - Lousada - Paços de Ferreira - Paredes - Penafiel

Campo Multiusos na cidade de Gandra

O município de Paredes celebrou um contrato-programa com o Instituto do Desporto de Portugal, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Associação de Futebol do Porto, no passado mês de Setembro, com vista à instalação de um CampoMultiusos denominado “Mini-Campo  de Gandra”, na cidade de Gandra.
De acordo com o presidente da Câmara, a infra-estrutura já está concluída, faltando apenas vedar o respectivo terreno.
O equipamento passa a ser propriedade do município e os custos relativos à sua instalação são assegurados pelo Instituto do Desporto e pela FPF.
Refira-se que o desenvolvimento desportivo, um dos anseios da população nas sociedades actuais, exige que as diferentes entidades com capacidade de intervenção utilizem as suas possibilidades de forma conjugada e articulada, proporcionando melhores condições de acesso à prática desportiva.
O Campo Multiusos está dotado de um relvado sintético, com as dimensões aproximadas de 22 x 12 m2 e permitirá a prática de futebol, andebol, ginástica, voleibol e basquetebol.
Recorde-se que o programa do município para a área desportiva contempla o fomento da actividade desportiva infanto-juvenil e informal.
De acordo com o presidente da Câmara Municipal, Celso Ferreira, este protocolo vem ao encontro das pretensões do Executivo no que respeita à aposta na formação dos mais jovens.
Recorde-se que o actual Executivo decidiu privilegiar o apoio às associações desportivas que se dedicam à formação juvenil e, ao mesmo tempo, abranger um maior número de associações amadoras, o que implicou uma redução do apoio aos clubes profissionais.
Este protocolo proporcionará o desenvolvimento do futebol de base e o fomento da actividade desportiva infanto-juvenil, bem como a generalização da prática desportiva em segurança.
Compete ao município, designadamente a gestão do Campo Multiusos, apetrechar o espaço com iluminação pública e responsabilizar-se pela sua limpeza, manutenção e conservação.
O protocolo vigorará pelo prazode cinco anos e caso não seja denunciado para o termo do prazo renovar-se-á por igual período.

Paredes acolhe curso de Técnico de Design de Mobiliário

O Executivo Municipal de Paredes ratificou, na última reunião, os protocolos celebrados entre a Câmara Municipal e a Escola Superior de Tecnologia de Viseu (ESTV), bem como o protocolo realizado com o Instituto do Desporto de Portugal, a Federação Portuguesa de Futebol e a Associação de Futebol do Porto.
 
Curso de Especialização Tecnológica – “Técnico de Design de Mobiliário”
 
Recorde-se que o primeiro protocolo, celebrado em Outubro passado, tem por objectivo a implementação do Curso de Especialização Tecnológica – “Técnico de Design de Mobiliário” em Paredes.
O Curso de Especialização Tecnológica (CET) – “Técnico Design de Mobiliário” será desenvolvido e acompanhado técnica e pedagogicamente pelos docentes afectos ao departamento de Engenharia de Madeiras, como garantia de qualidade de formação e decorrerá durante 11 meses, em regime diurno, correspondendo aos anos lectivos de 2007/2008 e 2008/2009, nas instalações do extinto CTIMM, em Lordelo.
Os titulares do Diploma do Curso de Especialização Tecnológica – “Técnico de Design do Mobiliário” poderão ter acesso ao curso de Engenharia de Madeiras, sendo que a Escola Superior de Tecnologia de Viseu compromete-se a disponibilizar vagas para o efeito.
O CET contempla uma carga horária escolar de 840 horas repartidas pela componente de formação geral e científica, 126 horas, e pela componente de formação tecnológica, 714 horas, e um período de formação em contexto de trabalho de 600 horas, num total de 1440 horas de formação.

Reunião/Debate com trabalhadores das pedreiras do Vale do Sousa e Baixo Tâmega

No próximo sábado dia 19 de Janeiro de 2008, às 15 horas, no salão da sede da Junta de Freguesia de Boelhe, esta Direcção Sub-Regional do PCP irá realizar uma reunião e debate com trabalhadores das pedreiras, que servirá para auscultar os trabalhadores relativamente às condições de trabalho neste sector e decidir medidas a tomar.
Os principais temas a ser tratados serão:
-Acidentes laborais e mortes no local de trabalho
-Doenças profissionais e sua prevenção
-Razões para a emigração no sector
-Pensões e reformas
Será também prestada pelo Deputado Honório Novo uma informação aos presentes sobre a situação em que se encontra o projecto-lei do PCP de redução da idade limite da reforma dos pedreiros para os 55 anos.
 
14 de Janeiro de 2008
A Direcção da Organização Sub-Regional
do Vale do Sousa e Baixo Tâmega do PCP

Acerca da crise que se arrasta na Câmara Municipal de Felgueiras

Numa altura em que graças aos piores motivos, muito se tem falado sobre a Autarquia Felgueirense, a Comissão Concelhia de Felgueiras do PCP entende ser pertinente reafirmar os princípios básicos do seu projecto autárquico e tecer algumas considerações sobre o que recentemente tem sucedido na Câmara Municipal de Felgueiras.
 
Consideramos o Poder Local como um instrumento para melhorar as condições de vida das populações, que deve ser colocado ao serviço dos trabalhadores, do povo e do país.
 
Os princípios básicos do projecto autárquico do PCP são, fundamentalmente: a gestão democrática em ligação aos trabalhadores e às populações; a defesa do Serviço Público; a garantia da prioridade do interesse público sobre os interesses particulares; a promoção e defesa dos interesses e direitos de todo o povo nomeadamente das classes mais desprotegidas; a honestidade, competência e transparência no exercício do poder; o desapego do poder e recusa de benefícios pessoais no exercício dos cargos públicos.
 
Infelizmente, constata-se que nenhum destes princípios é respeitado pela Câmara Municipal de Felgueiras.
 
A utilização de meios públicos em proveito próprio, o desrespeito pela gestão democrática, o desinteresse pelo quadro social grave que o concelho atravessa, e outros atropelos à democracia e legalidade, contribuem para denegrir o Poder Local e para criar uma imagem profundamente negativa do mesmo.
 
A Comissão Concelhia de Felgueiras do PCP, considera que os recentes escândalos em torno da gestão danosa da Câmara Municipal por parte da Dr.ª Fátima Felgueiras, nomeadamente o despacho de pagamentos em proveito próprio:
 
configuram ilícitos legais graves que devem ser julgados e punidos de forma exemplar pela Justiça;
prejudicam gravemente os felgueirenses, lesando directamente os seus interesses, motivo pelo qual o povo de Felgueiras deve tirar as devidas ilações e em próximas eleições votar em quem dê garantias de honestidade e competência;
põem em causa o papel positivo do Poder Local na democracia portuguesa.
 
Por entendermos ser pertinente dar a conhecer aos felgueirenses a proposta de revisão eleitoral para as autarquias do actual Governo, afirmamos a nossa frontal oposição ao projecto-lei subscrito pelo PS e PSD.
 
A proposta de atribuição ao presidente da Câmara de um poder absoluto na escolha dos membros que integram o executivo; de redução da pluralidade da composição dos órgãos e consequente empobrecimento das garantias de fiscalização e controlo democrático do funcionamento da autarquia; bem como a atribuição de uma maioria absoluta de mandatos mesmo quando essa não é a vontade expressa dos eleitores; teria consequências desastrosas quando aplicada a uma situação como a que Felgueiras actualmente atravessa.
 
Mais que nunca importa referir que o Poder Local é uma conquista de Abril, e tal como a Constituição afirma, é uma expressão directa da vontade popular, uma afirmação do carácter progressista e avançado do regime democrático resultante da Revolução dos Cravos.
 
É por esse Poder Local que, com honestidade e competência, o PCP e CDU se têm batido.
 
Felgueiras, 11 de Janeiro de 2008
 
Pela Comissão Concelhia de Felgueiras
 do Partido Comunista Português

Edição de "O Progresso de Paredes" do dia 11 de Janeiro 2008 lança página on-line

A capa da edição de "O Progresso de Paredes" do dia 11 de Janeiro dá conta do aniversário deste quinzenário, da contratação do novo treinador pelo União de Paredes e do tema de momento: a nova lei do tabaco. Todas as notícias estão desenvolvidas na edição de papel deste jornal, que conta já com 77 anos de existência.

 

Veja a nova edição on-line em http://www.progressodeparedes.com.pt/

.

Acção de Divulgação de Basquetebol foi um êxito em Castelo de Paiva

Câmara Municipal e Agrupamento Vertical de Escolas de Sobrado
assinaram Protocolo de Cooperação com o FC do Porto
Equipa Profissional de Basquetebol realizou demonstração e almoçou com alunos
 
A CM de Castelo de Paiva e o Agrupamento Vertical de Escolas de Castelo de Paiva assinou, na passada semana, num dos recintos desportivos da Escola Secundária local, um Protocolo de Cooperação com o FC do Porto, tendo em vista a promoção e desenvolvimento no concelho, da modalidade de basquetebol, enquanto actividade desportiva de referência.
 
A realização de um “ Campus “ de Férias de Basquetebol é um dos grandes objectivos da colaboração que vai ser estabelecida entre as partes, constituindo um excelente argumento para a dinamização que se deseja da modalidade em Castelo de Paiva, estando prevista a sua realização entre os dias 20 e 27 de Julho, destinando-se a jovens de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 10 e os 18 anos, abrangendo a iniciativa as escolas do concelho.
Segundo refere o protocolo agora assinado, e já apresentado na reunião do Executivo Municipal para ratificação, a realização deste “ Campus “ visa essencialmente, promover a ocupação de tempos de descanso escolar em actividades ligadas à prática do basquetebol que fomentem os valores positivos do desporto, com destaque para o trabalho em equipa, a persistência, a concentração, o respeito pelo outros e a auto - estima, mas ao mesmo tempo, fomentar hábitos saudáveis nos jovens, promovendo o aproveitamento do tempo e das capacidades pessoais.
Durante a realização desta jornada de férias e de informação sobre o basquetebol, procurar-se-á promover diversas actividades, como o trabalho técnico, jogos e concursos, jogos tradicionais, actividades de exploração da natureza e visitas culturais e turísticas ao concelho.
Para além das obrigações a que fica sujeita a autarquia paivense, para o bom funcionamento deste “ Campus “ de férias, o protocolo assinado entre Rui César Castro, Fátima Almeida e Fernando Assunção, refere que o FC do Porto oferece 20 inscrições no Campus de Férias para jovens do agrupamento escolar, promove a visita da sua equipa profissional de basquetebol a escolas do concelho, tal como aconteceu já na passada Quarta-Feira, cederá convites para que jovens do concelho possam assistir a jogos, fornecerá treinadores para o staff e um fisioterapeuta de apoio ao Campus de Férias de Basquetebol, bem como atribuirá diplomas a todos os participantes.
Para além disso, a colectividade nortenha assume a contratação de um seguro de responsabilidade civil para todos os participantes, bem como ajudará na promoção turística do concelho, através da distribuição de material promocional durante os jogos, enquanto ao Agrupamento Vertical de Escolas de Castelo de Paiva caberá a cedências das instalações da Escola Secundária e da EB 2.3 necessárias à realização deste evento desportivo, que vai ser divulgado por todo o país e na vizinha Espanha.
O protocolo, que terá validade até ao final de Julho deste ano, expressa também o desejo das partes, da realização anual de um jogo em Castelo de Paiva com a equipa profissional de basquetebol do FC do Porto que, aproveitando o impacto da apresentação da iniciativa, esteve na Escola Secundária em Sobrado, acompanhada do treinador Alberto Babo e do Admnistrador da SAD portista, Fernando Assunção, coordenador do basquetebol, entre outros dirigentes, onde realizou uma demonstração, participou em palestras sobre a modalidade e almoçou com alunos deste estabelecimento de ensino.
Antes de regressar ao Porto, a comitiva nortenha acompanhada pelo presidente da CM, Paulo Teixeira, Vereadores e outros autarcas concelhios, ainda teve tempo para visitar o Lar de Idosos e o Centro de Actividades Ocupacionais da Santa Casa da Misericórdia, onde foi recebida pelo Provedor Artur Beleza.
            No final da visita, o edil paivense congratulou-se com o entusiasmo que iniciativa motivou, enalteceu a disponibilidade do FC do Porto em assumir esta parceria desportiva e mostrou-se esperançado de que o Campus de Férias será um sucesso, dando um forte contributo para a implementação da modalidade na região, dando ao concelho uma imagem bastante positiva de incremento desportivo e de oportunidades aos jovens.
 
 
 
GIRP/Carlos Oliveira
 

“Os filhos do esfolador” voltam a cena

Peça tem encenação de Joaquim Nicolau
 
A companhia de teatro Jangada apresenta hoje, amanhã e sábado o espectáculo “Os filhos do esfolador”, um inédito do jovem autor Valter Hugo Mãe, a partir do texto “O cego de Landim” de Camilo Castelo Branco.
“Os filhos do esfolador” teve estreia nacional na Casa das Artes de Famalicão, com a presença da Ministra da Cultura, Dra. Isabel Pires de Lima, no dia 30 de Novembro.
A mais recente peça da Jangada tem encenação de Joaquim Nicolau, conhecido actor nacional que tem participado em inúmeras telenovelas e programas de humor. As interpretações são de Faria Martins, Luíz Oliveira, Patrícia Ferreira, Vânia Pereira e Xico Alves. Esta peça tem ainda a particularidade de ter em nove músicos do Conservatório Música do Vale do Sousa que actuam ao vivo.
“Os filhos do esfolador” trata da história de António José Pinto Monteiro que sobrevive através da mais fina ladroagem e da actividade de falsário. Rumou para o Brasil com 11 anos por um beneditino que acreditava poder compor as suas naturais tendências para actos criminosos, facto que acaba por não suceder.
O regresso de António José Pinto Monteiro a Landim, de onde é natural, não lhe vai trazer muita sorte e os seus dias acabam da pior maneira.
A peça é apresentada no Auditório Municipal, às 21h30.

Pedro Pinto Personalidade do Ano pelo Jornal Verdadeiro Olhar

Paços de Ferreira mereceu grande destaque nos factos e personalidades escolhidos pelo Jornal Semanário “Verdadeiro Olhar” do ano de 2007.
         Desde logo, o presidente do município, Pedro Pinto arrecadou duas distinções da equipa deste jornal: o de “Personalidade do Ano” e “Figura Política”.
         Mas a Capital do Móvel recebeu ainda as distinções de Desporto para o Futebol Clube de Paços de Ferreira e na categoria Empresário que foi atribuído a Adelino Martins, da empresa Martins & Couto.
 
 
         A A42, o Ferrara Plaza, o investimento na rede viária, a conquista do investimento de cerca de 300 milhões de euros do IKEA, o projecto do Centro de Excelência do Mobiliário e a forma como agiu perante contestação contra as tarifas de água e saneamento, sendo capaz de encontrar uma solução que “promete ser um paradigma para a região”, foram as razões sustentadas para a atribuição das distinções.
         Mas a Capital do Móvel mereceu ainda da parte da redacção do jornal as distinções na categoria desporto, ao Futebol Clube de Paços de Ferreira, por ter sido a primeira equipa de futebol do Vale do Sousa a apurar-se para as competições europeias e na categoria Empresário, Adelino Martins, fundador da Distromazoote e da Martins & Couto que se consolidou como o maior revendedor da BP em Portugal. 
 
 
 
GCI
Gabinete de Comunicação e Imagem
Olga Leite

Espaço AJE assinala segundo aniversário

200 pessoas participaram nas actividades
 
O Espaço AJE (Artes, Juventude e Europa) comemorou o segundo aniversário no passado domingo, dia 6.
De acordo com a Vereadora do pelouro da Juventude, Dra. Cristina Moreira, “nestes dois anos em que a autarquia tem em funcionamento o Espaço AJE a adesão dos mais novos tem sido bastante significativa. É frequente vermos crianças e jovens a usufruir dos vários serviços disponíveis no AJE”.
As actividades que assinalaram as comemorações tiveram início com a actuação do grupo de Bombos de Sousela e dos atletas de patinagem artística do Lousada Académico Clube. No mini-auditório do Espaço AJE, miúdos e graúdos assistiram a um espectáculo de magia, protagonizado pelo mágico lousadense Rui Campos.  
O Quarteto e Saxofones do Conservatório de Música do Vale do Sousa apresentou várias músicas relativas à época natalícia. A animação musical teve continuidade com a actuação do Grupo de Cantadores de Janeiras de Sto. Estêvão. Estiveram também presentes elementos do Motoclube de Lousada.
A tarde continuou com a atribuição de prendas a todas as pessoas que participaram nos festejos. No total foram distribuídas 200 prendas oferecidas por diversas entidades, entre elas o Instituto Português da Juventude que ofereceu pen-drives, o L. Eclerc cedeu brinquedos, o Modelo ofereceu um vale de compras de 50 euros e o Intermarché deu uma bicicleta. Os Gémeos Ferreira juntaram-se também à iniciativa com a oferta de peluches e rebuçados e o Big Bowling disponibilizou 10 partidas gratuitas de bowling.
A tarde esteve animada com a participação do público nos concursos de karaoke, em que o vencedor arrecadou o vale de 50 euros em compras e foi também sorteada uma bicicleta entre os participantes, melhor chapéu, melhor anedota, melhor gargalhada e melhor grupo organizado.
A festa contou ainda com o tradicional bolo de aniversário e champanhe na hora dos parabéns e também o bolo-rei.
 
Campanha “Associar para fortalecer”
            A comemoração do segundo aniversário do Espaço AJE serviu também para apresentar a campanha da autarquia intitulada “Associar para fortalecer”. Esta é uma iniciativa que a autarquia, através do pelouro da Juventude, vai desenvolver durante este ano.
 A Vereadora do pelouro da Juventude, Dra. Cristina Moreira, destacou que “é uma campanha direccionada para os jovens do concelho que tem como objectivo fomentar a criação de associações juvenis em Lousada. Somente através do associativismo juvenil os grupos podem ver os seus direitos e deveres devidamente assegurados”.
            Na cerimónia esteve presente o Presidente da Federação de Associações Juvenis do Distrito do Porto (FAJDP), Dr. Júlio Oliveira, que começou por “elogiar o esforço da Câmara de Lousada na promoção de actividades juvenis. A autarquia está a fazer um trabalho excelente”.
            Na sua intervenção referiu ainda que existem inúmeras vantagens no associativismo juvenil, defendendo que “devemos trabalhar em conjunto para criar uma sociedade melhor”.
            O Dr. Júlio Oliveira salientou ainda que se tornou uma “pessoa diferente do que teria sido se aos 13 anos não começasse a participar associativas”. Por isso mesmo deixou o desafio aos jovens de Lousada para que “continuem a trabalhar em prol da comunidade, dado que deste modo o concelho, o distrito e o país vão melhorar”.

PT Paredes Com Teatro prossegue com muito público

 
O “Grupo Mac”, Movimento de Animação Cultural do Grupo de Teatro da Associação Social e Cultural de Louredo, esteve no passado domingo, no Centro Social e Cultural de Cête, onde apresentou a peça “Ao Quadrado”.
Trata-se de mais uma iniciativa que se insere no programa PT – Paredes com Teatro.
Foram muitos os que se dirigiram ao Centro Social e Cultural de Cête para ver a peça “Ao quadrado”. Um espectáculo que avança na diversidade da comunicação e na multiplicação de situações e personagens relacionadas com o mundo escolar. Essas situações podem afigurar-se absurdas, cómicas ou trágicas.
“Ao Quadrado” parte de um texto de vários autores, entre eles Eugéne Ionesco, Cristiana Ribeiro e Patrícia Sales, estando a encenação a cargo de Manuel Neiva, que é também o director de actores.

O PT Paredes Com Teatro prossegue no próximo sábado. O Grupo de Teatro de Rebordosa apresenta a peça “Os Carnívoros", na Casa do Povo de Bitarães, às 21h30.
 
O espectáculo previsto para o dia 13 de Janeiro, pelo grupo Xisto - Associação Juvenil de Aguiar de Sousa, para Sobrosa, foi adiado, a pedido do mesmo.

Grupo de Teatro de Rebordosa apresenta “Os Carnívoros”

12 de Janeiro
 
 
Prossegue no próximo sábado mais um espectáculo no âmbito do programa do Município de Paredes “PT Paredes com Teatro”.
Desta feita, o Grupo de Teatro de Rebordosa, apresentará a peça “Os Carnívoros", na Casa do Povo de Bitarães, às 21h30.
"Os Carnívoros" parte de um texto de Miguel Barbosa e é adaptado por Ana Perfeito, a encenadora do "Tru'peça" - Grupo de Teatro de Rebordosa. Trata-se da primeira experiência teatral deste grupo de Rebordosa, fruto da junção de indivíduos de diferentes idades e experiências, com um gosto comum: fazer teatro.
 
Este espectáculo é um belo exemplo do Teatro do Absurdo em Portugal. Escrito nos anos 60 do século passado é uma crítica feroz, carnívora, a uma sociedade na qual apenas existem dois grupos sociais: os que sugam e os que são sugados.
Sociedade irreal? Extinta? Ou um retrato claro e verdadeiro das desigualdades que ainda existem nos nossos dias?
Perguntas que poderão ser respondidas pelos espectadores, que num ambiente, à partida pesado, irão experimentar emoções muito distintas, como o riso, a comoção, a revolta, a auto-identificação...

Investimento de 390 mil euros nos acessos ao Pavilhão Rota dos Móveis

Alameda de Portugal
 
A Câmara Municipal de Paredes apresentou, recentemente, à Assembleia de Freguesia de Lordelo o projecto da Alameda de Portugal, que será uma realidade no acesso ao Pavilhão Rota dos Móveis. A obra, orçada em cerca de 390 mil euros, deverá avançar até ao final do mês de Fevereiro.
Refira-se que esta intervenção surge da necessidade de se criar um espaço agradável, diversificado, apelativo, que assuma funções de estadia e de lazer, bem como de ligações e articulações, conferindo dignidade àquela zona de expansão da cidade de Lordelo.
De acordo com o presidente da Câmara Municipal, Celso Ferreira, trata-se da concretização de um projecto com dez anos, que permitirá a criação de um espaço que facilitará e embelezará os acessos ao Pavilhão Rota dos Móveis, bem como à zona envolvente ao Parque do Rio Ferreira que envolve as cidades de Lordelo e Rebordosa.
Os objectivos da obra prendem-se com a criação de um espaço agradável, com uma unidade forte e estruturante; com a possibilidade de vivência informal e estadia ao longo da alameda entre as rotundas, garantindo condições de conforto e segurança; com a articulação dos acessos pedonais directos entre os vários arruamentos e edifícios que rodeiam a alameda. Ao mesmo tempo pretende articular o centro da cidade com o Pavilhão Rota dos Móveis, através de um percurso serpenteante, como forma de atenuar o acentuado declive do espaço, permitindo a vivência da área por pessoas com mobilidade reduzida ou condicionada e potenciar um espaço atractivo, com ritmos de volumes, cores e floração, onde se sinta a passagem do tempo e das estações e conceber um espaço equilibrado (formal e ecologicamente) com poucos encargos de manutenção.
Terá designadamente, áreas de recepção, marcadas por um pavimento diferente, áreas de estadia onde serão proporcionados recantos mais intimistas que comportam equipamento destinado a esse fim, como bancos, papeleiras e bebedouros.
A Alameda de Portugal terá, ainda, um parque infantil, com equipamentos resistentes, seguros e atractivos, para as crianças dos 2 aos 12 anos, bem como um parque geriátrico que garantirá o apoio e alternativas de recreio e lazer à população menos jovem.

Um milhar de pessoas participou no Concerto de Reis no Pavilhão Rota dos Móveis em Lordelo - Paredes

 
Decorreu no passado sábado, no Pavilhão Rota dos Móveis, em Lordelo, mais um “Concerto de Reis”.
À semelhança do ano transacto, esta edição também contou com uma excelente afluência de público, que rondou os mil espectadores.
Recorde-se que o “Concerto de Reis”, organizado pela Câmara Municipal de Paredes, contou com a actuação de três bandas: Banda de Música de Cête, Banda de Música de Baltar e Banda de Música de Vilela.
Foram duas horas de puro espectáculo e entretenimento.
As boas vindas estiveram a cargo do vereador responsável pelo pelouro da Cultura, Pedro Mendes, que, rodeado por vários presidentes de Junta de Freguesia do concelho, desejou um bom ano aos presentes, aproveitando, também, para agradecer a comparência no Pavilhão Rota dos Móveis.
O primeiro grupo a subir ao palco foi a Banda de Música de Cête, que interpretou os temas “La Gracia de Dios” de R. Roig; “Cármen” de Bizet; um “Xutos Medley” da autoria de Luís Cardoso e, ainda, “A Christmas Celebration”, de Darol Barry.
Seguiu-se a Banda de Música de Baltar, que tocou músicas de Mário Miguel e de Tony Carreira, bem como, relembrou o saudoso Carlos Paião. A sua actuação terminou com um “Sweet de Natal”.
A finalizar a festa esteve a Banda de Música de Vilela, que se dedicou às interpretações de “Colete Encarnado”, de Samuel Pascoal; “Sinfonia do Novo Mundo 4º Andamento”, de Devorak; um “Happy Christmas” a partir de Jan Van Krayedonk; “Canções da Tradição” a partir de Luís Cardoso e, ainda, “Cheerios March”, de Edwin Franko Goldman.
Mas a noite ainda reservava uma surpresa. As três bandas juntaram-se para tocar o que normalmente se designa por “rapsódia”, um momento do espectáculo em que foram tocados em catadupa vários temas, no caso, canções populares. Foi um final apoteótico, com centenas de aplausos a rebentarem em uníssono.

Concertos íntimos com Miguel Ângelo a 12 de Janeiro na Casa da Cultura de Paredes

 
 
O pelouro da Cultura da Câmara Municipal de Paredes vai levar a cabo três concertos íntimos, no âmbito do “Programa Adultos”. Tratam-se de concertos de formato acústico, intimistas, onde os artistas se apresentam em plena voz e com poucos efeitos, com o instrumento eleito para os acompanhar.
O pontapé de saída tem lugar no próximo sábado, 12 de Janeiro, pelas 21h30, na Casa da Cultura de Paredes.
Miguel Ângelo, conhecido vocalista dos Delfins, é o primeiro convidado e apresentará um espectáculo a solo, intitulado "A Chama Ardente".
É um fortíssimo espectáculo, intimista, directo, com canções conhecidas de todos. Dos Delfins que não podiam faltar a Zeca Afonso, Joe Jackson, Burt Bacharach, Nick Cave, Tracy Chapman, Peter Gabriel e todas aquelas músicas que Miguel Ângelo põe ou tira em cada espectáculo. Extremamente portátil, "A Chama Ardente” é um espectáculo a não perder! Um teclista que pode usar o piano existente na sala para além do seu próprio teclado, e o próprio artista que se acompanha à guitarra.