Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vale do Sousa em Destaque

Castelo de Paiva - Felgueiras - Lousada - Paços de Ferreira - Paredes - Penafiel

Milhares participaram e assistiram às Festas da Cidade e do Concelho de Paredes

 

 

Paredes demonstrou que sabe receber
 
A Câmara Municipal de Paredes levou a cabo as Festas da Cidade e do Concelho, de 16 a 21 Julho.
Música e Coros, na Igreja de Paredes; a actuação da Escola de Dança de Paredes; o II Festival de Tunas Académicas; a actuação do Grupo de Fados “Capas Negras”; Festival de Ranchos Folclóricos; exposição de Veículos Antigos - Automóveis, Bicicletas, Charretes, Coches e Motos; Feira de Antiguidades e Numismática; actuação dos Expensive Soul; Concertos pelas Bandas de Música de Cête, Baltar, Vilela e Orquestra Ligeira do Vale do Sousa; um concerto de Marco Paulo e Marchas Luminosas, com a participação de grupos de animação, ranchos folclóricos, carros alegóricos, escolas de samba e grupos de bombos, bem como um baptismo de voo num helicóptero disponível junto ao Parque da Cidade são alguns dos exemplos das actividades que decorreram ao longo de cinco dias.
 
Importa salientar que foram milhares as pessoas que se deslocaram à sede do concelho de Paredes para acompanhar e participar nas diferentes actividades. Destaque para o concerto de Marco Paulo, que de acordo com o vereador da Cultura da autarquia paredense, Pedro Mendes, terá contado com a presença de vários milhares de pessoas; para as marchas luminosas que atraíram, de igual forma, milhares, e para as diferentes exposições de decorreram no Parque José Guilherme, que se revelaram um verdadeiro sucesso.
 
No que ao momento religioso diz respeito, a Igreja Matriz de Paredes acolheu uma Missa Solene em Honra do Divino Salvador, presidida por D. Joaquim Mendes, Bispo Auxiliar de Lisboa e que contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal.
 
A Majestosa Procissão em Honra do Padroeiro, o Divino Salvador, contou, pela primeira vez, com a participação de todos os andores dos Padroeiros das paróquias do concelho e que, à semelhança dos anos anteriores, também atraiu milhares de pessoas à cidade de Paredes, distribuídas pelo percurso da procissão.
 
Feriado Municipal – Município agraciou três Instituições com Medalha de Ouro
 
Na segunda-feira das Festas, Feriado Municipal, o Município de Paredes homenageou três Instituições: CESPU, Emaús e Casa do Gaiato e do Calvário de Beire, distinguindo-
-as com a Medalha de Ouro do Município.
Foi com imensa satisfação pessoal que o Presidente da Câmara Municipal de Paredes, Celso Ferreira, presidiu à primeira atribuição de uma condecoração e homenagem depois da entrada em vigor do novo Regulamento Municipal de Condecorações.
De acordo com o edil “a atribuição de uma condecoração deve ser vista numa perspectiva de máximo reconhecimento público, como forma de dizer muito obrigado por tudo o que fizeram e continuam a fazer pelas pessoas”. Considerou as três instituições “com elevado sentido de responsabilidade social”.
 
Fez questão de destacar que “uma das obrigações de homens públicos é reconhecer e distinguir todos aqueles que por mérito próprio, muitas vezes com parcos recursos, exercem acções de beneficência e que nos devem encorajar e deixar-nos a todos orgulhosos.” Considerando especialmente os contributos da Casa do Gaiato e do Emaús, numa área de “grande sensibilidade, de desigualdade entre cidadãos, que não tiveram a mesma felicidade, que se reflecte numa causa tão nobre, sensível, aberta e desinteressada”.
Celso Ferreira realçou o meritório trabalho desenvolvido pela Casa do Gaiato. “Não é fácil trabalhar com pessoas incapazes, com anomalias psíquicas profundas, doentes incuráveis ou até em fase terminal de vida. É preciso muita preparação, a todos os níveis, mas sobretudo, coragem, dedicação, trabalho e sentimento de amor pelo próximo. É bom que nos lembremos, que um dia após outro, há pessoas que apenas por amor a uma causa, enfrentam enormes dramas, debatem-se com enormes dificuldades, em sofrimento pelo outro, fazendo da solidariedade o seu próprio modo de vida”.
Asseverou, de igual modo, que a Associação de Apoio ao Deficiente Mental – EMAÚS,desenvolve no concelho de Paredes, “uma relevante missão de apoio ao deficiente mental, numa atitude perfeitamente benemérita e de pura beneficência, em proveito daqueles que mais necessitam”.
Refira-se que esta homenagem decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, que é segundo o autarca paredense “o sítio certo e o momento certo para reconhecer o papel que estas duas instituições desenvolvem em prol do concelho”.
Este reconhecimento significa, para Celso Ferreira, um compromisso sério: “queremos continuar a trabalhar convosco, com o objectivo de ajudar a transmitir aos doentes/beneficiários um melhor conforto”.
 
No que diz respeito à CESPU, Celso Ferreira referiu: “A actuação é diferente, tem um negócio especial: educar e formar, para que os jovens possam encarar o futuro de forma mais confiante”.
O autarca garantiu que tem acompanhado a evolução da CESPU e que esta condecoração é o reconhecimento pelo “excelente trabalho de gestão e pelo muito que tem feito nestes 25 anos de existência”. “Sentimos a CESPU também como um pouco nossa”, vincou.
Adiantou que a autarquia tem vários projectos em comum com aquela instituição de ensino e que se encontram a trabalhar na futura cidade universitária “para que a CESPU possa continuar o seu excelente trabalho que muito tem contribuído para a projecção e enriquecimento do concelho Paredes – Rota dos Móveis”.
 
Celso Ferreira considera que o Feriado Municipal deve ser utilizado para “garantir a unidade do concelho, pois está em causa a municipalidade do concelho”. O reconhecimento pelas instituições terá continuidade pois, assegurou, “temos muitas instituições que prestam elevados serviços ao concelho”.
Foi com enorme satisfação e orgulho que António Cardoso, em representação do Emaús recebeu a medalha de ouro do Município: “o reconhecimento pelo trabalho desenvolvido pela associação Emáus”, destacou.
No mesmo sentido, em representação da Casa do Gaiato, o Padre António Baptista dos Santos agradeceu a homenagem e salientou o trabalho meritório e a missão de ajudar os que mais necessitam.
O principal responsável pela CESPU, Almeida Dias, afirmou que esta homenagem “é o reconhecimento formal e mais sentido que uma instituição pode ter”.
Destacou a visita de empresários de Paredes a Angola que a instituição está a preparar para os próximos meses, onde “deverão encontrar pontos importantes de colaboração”.
“Paredes é a nossa sede, podem contar connosco. Para onde vamos, levamos Paredes”.
O Presidente da Câmara Municipal de Paredes, acompanhado da sua equipa e restantes convidados procedeu, ainda, à inauguração da Ponte sobre a ribeira de Sentiais, junto ao Parque da Cidade, que permite a ligação da parte norte deste equipamento de lazer à parte sul, uma obra no valor de 800 mil euros. Em breve o Parque da Cidade deverá alargar-se ainda mais por forma a proporcionar aos paredenses e a quem nos visita um espaço de lazer ímpar na região.
 
                                                                                                                    Gabinete de Comunicação da
                                                                                                                   Câmara Municipal de Paredes