Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vale do Sousa em Destaque

Castelo de Paiva - Felgueiras - Lousada - Paços de Ferreira - Paredes - Penafiel

Lousada: Fórum do MEISI apresenta conclusões

“Alternativas e expectativas face ao contexto actual de crise económica e social”

 

O II Fórum Técnico do Modelo Estratégico de Intervenção Social Integrada (MEISI) foi apresentado na passada sexta-feira, dia 1, no Espaço AJE.

Estiveram presentes nesta reunião os técnicos das instituições que constituem esta parceria nomeadamente, técnicos da autarquia, da Segurança Social, da Associação de Solidariedade Social de Nespereira, Santa Casa da Misericórdia, ACIP - Ave Cooperativa de Intervenção Psico-Social, do projecto Contrato Local de Desenvolvimento social, Associação “Ao Encontro das Raízes” e do Agrupamento de Centros de Saúde Tâmega.

O tema “Alternativas e expectativas face ao contexto actual de crise económica e social” foi abordado, pela Dra. Paula Cruz, socióloga da Rede Europeia Anti-pobreza/Portugal (REAP), e pelo médico psiquiatra Dr. Freitas Gomes.

Caminhos apontados pela REAP para ultrapassar as dificuldades

A Dra. Paula Cruz abordou a temática na perspectiva da pobreza e exclusão social e da posição da REAP relativamente a esta matéria no contexto português e europeu. Começou por demonstrar os rostos da pobreza em Portugal ao passar três filmes. Além de avançar com dados estatísticos demonstrativos da grave crise que retrata o nosso pais: uma taxa de pobreza de 17.9% em 2008; uma taxa pobreza infantil das mais altas da Europa com 22.9%; uma taxa de desemprego de 12.4% no primeiro trimestre deste ano e uma taxa de desemprego de longa duração de 53% a segunda maior da Europa.

Assim, segundo a REAP “o futuro é de incerteza, contudo, Portugal tem que responder com responsabilidade/justiça e equidade a este contexto de grave crise financeira, económica, social e política”. Esta entidade aponta algumas propostas tais como apostar na qualificação dos trabalhadores e dos empresários incentivando a aprendizagem ao longo da vida e incentivar a criação de auto-emprego e de pequenas e médias empresas, nomeadamente em locais de maior risco de desertificação.

Psiquiatra fala das causas e consequências da depressão

O segundo momento deste fórum foi assegurado pelo médico psiquiatra Dr. Freitas Gomes que abordou o tema apontado na perspectiva da saúde mais especificamente no âmbito da “Depressão”.

No contexto de crise económico o Dr. Freitas Gomes apontou para o aumento das situações de agressividade/ violência já que esta é uma das respostas primária às situações de frustração e revolta. O especialista assinalou ainda a importância da formação dos técnicos no âmbito da comunicação para melhor lidarem com situações de grande confronto que possam surgir.

 

Lousada: Jornadas da Juventude para falar de empreendedorismo

Festival durou dois dias com muita música

 

A Câmara de Lousada promoveu a oitava edição das Jornadas da Juventude, na passada sexta-feira, dia 1. Durante todo o dia o Auditório Municipal contou com diversas intervenções tendo como principal temática o “Empreendedorismo e desenvolvimento regional”.

Durante a sessão de abertura das Jornadas o Vice-Presidente da Câmara, Dr. Pedro Machado, destacou que “faz todo o sentido a realização deste evento, na medida em que, contrariamente à média nacional, somos o concelho mais jovem de Portugal Continental”. 

Ainda na intervenção do Vice-Presidente da Câmara foi referenciado que “todo o trabalho que envolve a juventude tem valido a pena, dado que o concelho está no topo nacional em questões de abandono escolar, com valores residual. Também na área do desporto o investimento que tem sido feito faz cada vez mais sentido”. Exemplo disso mesmo é o Complexo Desportivo que no ano passado cujo número de praticantes ascendeu aos 250 mil.

Por isso o Dr. Pedro Machado terminou a sua intervenção salientando que “o desporto pode ser visto como uma janela de oportunidade, e que certamente rentabiliza a economia local”. 

A sessão de abertura contou ainda com a presença do Director Regional do Instituto Português da Juventude, Dr. Vítor Dias, que começou por afirmar que “ser empreendedor não é ter um negócio, mas sim ter participação activa na sociedade, na comunidade em que cada um se insere. É, sobretudo, apostas na formação e educação”.

Abel Ferreira, jogador profissional do Sporting Clube de Portugal, que vive em Lousada, esteve também presente na sessão de abertura, dando o seu testemunho, acerca da importância do desporto, mas sobretudo da formação e dos estudos.

O percurso de Abel Ferreira, natural de Penafiel, passou pela conclusão do 12.º ano, em paralelo com o futebol, e mais tarde o ingresso no ensino superior, tendo terminado o 2003 a sua formação académica. A formação o longo da vida é importante para o jogador que após uma lesão grave “tem outras perspectivas e outras opções para além de ser jogador. A formação das camadas jovens atletas pode ser uma das possibilidades”, como destacou Abel Ferreira.

Os trabalhos tiveram como temáticas principais “O desporto como factor de promoção da sustentabilidade regional”, com moderação do Dr. Romeu Mendes, do Centro de Investigação em Desporto, Saúde e Desenvolvimento Humano. O primeiro tema teve como base a “Laborsano: um exemplo de empreendedorismo desportivo”, com a intervenção do Dr. Marco Monteiro, sócio-gerente da empresa. “Desporto de aventura e desenvolvimento do turismo”, foi o tema da intervenção do Prof. Doutor Luís Quaresma. A manhã terminou com a apresentação do tema “Associativismo desportivo e desenvolvimento regional” apresentado pelo Prof. Doutor António Serôdio, da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.

A tarde teve continuidade com o painel “Aprender a empreender”, com moderação da Dra. Marta Vieira de Sá, responsável regional do Norte da Júnior Achievement Portugal. A Dra. Sara Medina, Bussiness Angel, que abordou o tema “Como construir uma empresa de sucesso”. O tema seguinte foi apresentado pelo Dr. Artur Queirós, Vice-Presidente da Cooperativa para a Mobilidade do Emprego, que falou do “Empreendedorismo – um projecto de vida profissional. 

As Jornadas da Juventude foram palco da entrega dos certificados de participação a todos os alunos da Escola Secundária de Lousada que participaram no projecto “A Empresa”, da Junior Achievement Portugal.

No final das Jornadas o Vereadora do pelouro da Juventude, Dra. Cristina Moreira destacou que “o programa deste evento foi de encontro ao que mais preocupa os jovens do nosso concelho. Relembro ainda que para ter sucesso na vida é necessária a formação e os estudos, para que se consiga empreender”.

A estas palavras o Vice-Presidente da autarquia, Dr. Pedro Machado, acrescentou que “ a juventude é a riqueza de Lousada”.

Flash Mob mobiliza jovens através da internet

A Avenida Senhor dos Aflitos encheu-se de juventude, música e dança numa iniciativa, que se realizou pelo segundo ano, designada de Flash Mobs. Esta é a expressão utilizada para descrever aglomerações instantâneas de pessoas num local público para realizar determinada acção inusitada previamente combinada.

Festival da Juventude contou com cinco mil jovens

Estiveram presentes centenas de jovens que presentes no Festival da Juventude, que se realizou nos dias 1 e 2 de Julho, no Complexo Desportivo, onde a música e a diversão estiveram sempre em alta.

Esta edição do Festival, foi concretizada mediante uma parceria público-privada. Houve uma adesão, superior à última edição, especialmente na noite de sábado devido à actuação de Pedro Cazanova, que levou ao rubro os jovens presentes.

O programa do Festival foi de encontro às preferências da juventude, na sexta-feira o Festival iniciou por volta da 22h30 com a actuação de três Bandas Rock, a saber os Ecko, Collateral Damage e ainda a banda Alcatrão, que fez vibrar os amantes do Rock. A transição para a música electrónica ficou assegurada pelos Drumstone_inc, também eles lousadenses. A noite continuou com as actuações dos DJ’s Mariana Couto, Miguel Barros, Miguel Rendeiro e Pedro Tabuada e ainda dois Live Act, protagonizados por Miss Amy e Miss Xénia.

No sábado, o público mais novo esteve em grande número com o ponto alto deste Festival a incidir na actuação o DJ Pedro Cazanova que animou os milhares de jovens que aguardavam expectantes a sua actuação. Também os DJ’s Emanuel, Lippy, Bruno R’ e André Gonçalves, completaram o conjunto de actuações desse dia.

Houve lugar a actividades desportivas durante o segundo dia de Festival, nomeadamente com um torneio de paintball organizado por uma empresa local.

 

CNO da CESPU entrega diplomas a 123 adultos

Seis formandos já foram contratados por IPSS depois das competências certificadas

CNO da CESPU entrega diplomas a 123 adultos

Ao fim de quatro anos de atividade, o Centro de Novas Oportunidades (CNO) do Grupo CESPU – Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário já certificou mais de 1100 inscritos no processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências (RVCC) e já deu formação a mais de 1500 formandos no âmbito das Unidades de Formação de Curta Duração (UFCD). No dia 9 de julho (sábado), pelas 15h30, no auditório da Associação de Solidariedade Social e Cultura para o Desenvolvimento de Rans (ASSCDR), em Penafiel, o CNO vai entregar 123 diplomas a adultos que completaram os 6.º, 9.º e 12.º anos de escolaridade, entre os quais estão seis formandos que, depois de terem terminado o processo de RVCC na CESPU, foram contratados pela instituição de solidariedade social que vai receber a cerimónia de entrega de certificados.

 

Para além de Maria do Céu Sousa (ajudante de ação educativa), Fernando Lourenço (motorista), Cristina Silva (ajudante de ação direta), Elisabete Ribeiro (cozinheira), Paula Silva (ajudante de ação educativa) e Ana Paula Batista (motorista), os mais recentes trabalhadores da Associação para o Desenvolvimento de Rans, vão também receber certificados de validação de competências Adriano, Álvaro e Adão da Rocha e Silva, que, em comum, têm o fato de serem irmãos de Tino de Rans.

 

Dos 18 funcionários da IPSS localizada em Penafiel, seis obtiveram a certificação de competências de 9.º e 12.º anos de escolaridade na CESPU, mas outros quatro estão atualmente a frequentar o processo de RVCC, o que faz da Associação de Rans uma instituição exemplar no que diz respeito às parcerias entre o CNO e os agentes institucionais, sociais e económicos da região.

 

Com mais de três mil inscritos, o CNO do Grupo CESPU tem parcerias estabelecidas com 25 entidades, entre juntas de freguesias, IPSS e empresas ligadas ao setor da construção civil, nos concelhos de Penafiel, Porto, Paredes e Castelo de Paiva. É composto por 16 técnicos (formadores, profissionais RVCC, mediador EFA, técnico de diagnóstico e encaminhamento e assistentes administrativos) e tem uma bolsa de 60 formadores das Unidades de Formação de Curta Duração (formação modular).

 

A cerimónia de entrega de certificados aos 123 formandos que frequentaram o CNO do Grupo CESPU vai contar com a presença do presidente da Câmara Municipal de Penafiel, Alberto Santos, do presidente do Grupo CESPU e diretor do CNO, Almeida Dias, e ainda do presidente da ASSCDR, Carlos Costa.

 

 

Lousada: FESTA DE ENCERRAMENTO 2010/11 – Animado Convívio com Elevada Participação

A Secção de Basquetebol do Lousada A.C. realizou, no passado Sábado, a Festa de Encerramento da Época Desportiva de 2010/11 na Quinta das Eiras em Boim, tendo registado uma elevada participação da família do L.A.C. (cerca de 250 participantes).

Ao longo do animado convívio não se deixou o Basquetebol de parte, pois realizou-se um concurso de lançamentos, que foi bastante disputado e despertou a atenção e interesse de todos. No final, os vencedores no sector feminino e masculino foram, respectivamente, Ana Moura e Luciano Caçador.

A Festa seguiu com muita música e com um agradável convívio entre todos. Como é próprio de um Arraial, não faltou a sardinha assada, o porco no espeto, o caldo verde, etc.

Foram distinguidos alguns dos atletas que mais se destacaram na época desportiva 2010/11, tendo-se começado por reunir todos os atletas do Minibasquete que foram, ao longo da época, nomeados como Atletas do Mês nos pólos de Lousada e de Nevogilde.

Em seguida, foram entregues os prémios, por escalão de formação, da época desportiva 2010/11, nas categorias de Atleta Revelação, Prémio Dedicação e Atleta do Ano.

No escalão de Iniciados Femininos foram distinguidas as atletas Bruna Ferreira (Atleta Revelação), A. Cristina Silva (Prémio Dedicação) e A. Vanessa Gonçalves (Atleta do Ano).

No escalão de Iniciados Masculinos foram distinguidos os atletas José Leal (Atleta Revelação), Fábio Ferreira (Prémio Dedicação) e Bruno Lacerda (Atleta do Ano).

No escalão de Cadetes Femininos foram distinguidas as atletas Joana Vaz (Atleta Revelação), Marta Silva (Prémio Dedicação) e Ana Perdigão (Atleta do Ano).

No escalão de Cadetes Masculinos foram distinguidos os atletas Felisberto Silva (Atleta Revelação), L. Vasco Cunha (Prémio Dedicação) e João Sousa (Atleta do Ano).

No escalão de Juniores Femininos foram distinguidas as atletas Ana Moura (Atleta Revelação), A. Raquel Tomás (Prémio Dedicação) e Letícia Fonseca (Atleta do Ano).

No escalão de Juniores B Masculinos foram distinguidos os atletas Ricardo Ferreira (Atleta Revelação), Diogo Ferreira (Prémio Dedicação) e José D. Sousa (Atleta do Ano).

Foi um excelente convívio, que serviu para encerrar da melhor forma a época desportiva e fazer votos para que a família do L.A.C. se volte a reunir já em Setembro para encarar a próxima época na máxima força.

 

 

Castelo de Paiva: GONÇALO ROCHA NÃO PERMITE A ABERTURA DA UNIDADE DE MEDICINA CONVENCIONADA (LABMED) NO COUTO MINEIRO DO PEJÃO

A Comissão Politica do PSD e os seus vereadores, fazem saber a que a reunião do Executivo Municipal realizada na passada quinta-feira, terminou (após decisão unilateral do Sr. Presidente da Câmara) por falta de quórum durante a discussão do ponto 6 denominado:

CENTRO SOCIAL DO COUTO MINEIRO DO PEJÃO. UNIDADE DE MEDICINA CONVENCIONADA (LABMED).

 

Após a apresentação do ponto e considerações iniciais do Senhor Presidente da Câmara, o Vereador do PSD Paulo Teixeira, usou da palavra, saudou o investimento e solicitou alguns esclarecimentos no que se refere às obras a realizar no CAS.

 

Na sequência deste pedido de esclarecimento, o Sr. Presidente da Câmara decidiu retirar da agenda o ponto em discussão de forma incompreensível e unilateral, demonstrando arrogância, impreparação para o cargo que desempenha e até infantilidade na forma como conduz as reuniões.

 

A inflexibilidade da sua posição, mesmo após os pedidos de manter o ponto em discussão pela Vereadora do PSD Vanessa Pereira, consubstancia uma intolerável falta de respeito do Senhor Presidente da Câmara pelos Paivenses mas também pelos restantes membros da vereação, pelo que os vereadores do PSD abandonaram a reunião, tendo a mesma sido dada por concluída por falta de quórum.

 

Devido à arrogância, impreparação e infantilidade do Sr. Presidente da Câmara, que não soube conforme lhe competia conduzir os trabalhos da reunião do Executivo Municipal, os Paivenses são uma vez mais prejudicados e privados destes cuidados de saúde tão importantes para quem deles necessitam.

 

Por tudo isto o PSD de Castelo de Paiva repudia esta forma de actuação, lamentando que mais uma vez o Sr. Presidente não esteja disponível para o dialogo e aberto à discussão, e responsabiliza o Dr. Gonçalo Rocha por todas as consequências que deste acto infantil.

 

Informamos ainda os Paivenses que o PSD de Castelo de Paiva, estará, como sempre esteve desde a primeira hora, favorável ao estabelecimento deste protocolo, esperando por isso que o Sr. Presidente da Câmara o apresente convenientemente e o discuta em sede própria, e permita que seja votado e aprovado, no estrito interesse do interesse dos Paivenses.

 

Em definitivo o Sr. Presidente da Câmara tem que perceber que foi eleito para servir os Paivenses e não para deles se servir.

 

Em definitivo o Sr. Presidente da Câmara tem que perceber que as reuniões da Câmara Municipal ou Assembleia Municipal são espaços de discussão de propostas e dos interesses dos Paivenses e não um local de auto-promoção ou de demonstração de poder ou arrogância.

 

Castelo de Paiva, 4 de Julho de 2011

 

Gabinete de Comunicação e Imagem do PSD de Castelo de Paiva

 

 

Município de Penafiel atribuiu subsídios a instituições de cariz social

O Município de Penafiel, atribuiu cerca de 105 mil euros a diversas Instituições/Associações de cariz social no Concelho de Penafiel, no âmbito do Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais (PARES) que tem como objectivo a ampliação da Rede de Equipamentos Sociais, constituindo-se como um dos pilares da estratégia de desenvolvimento integrado das políticas sociais.

 

Em Setembro de 2010, Luís Cunha, Presidente do Centro Distrital da Segurança Social, representante da Administração do Governo da República, presente na inauguração do Centro Psicossocial de Rans felicitou todos os intervenientes na ajuda da construção das obras de solidariedade em Penafiel e, acrescentou que o “concelho de Penafiel foi o que teve mais projectos aprovados no âmbito do programa PARES e foi também onde a câmara financiou ou cedeu mais terrenos para a construção de instituições”.

 

Espalhadas pelo Concelho de Penafiel, as várias Instituições/Associações sociais oferecem à comunidade diversas valências como Lar de Idosos, Centros de Dia, Serviços de Apoio Domiciliário e Creches.

 

Para Alberto Santos, Presidente da Câmara Municipal de Penafiel, “Estas Associações desempenham um papel determinante na nossa sociedade, são muitas vezes um factor de equilíbrio e de apoio social. Apoiar estas associações é fazer chegar aos mais desfavorecidos uma ajuda, uma esperança e contribuir, naturalmente, para a melhoria das condições de vida dos cidadãos e das suas famílias, adequando as respostas às necessidades da população”.

 

As diversas associações apoiadas pelo Município, prestam serviços e apoio ao nível do lar de idosos, centros de dia, serviço de apoio domiciliário e creches.

 

 

Penafiel: "Viagens com Alma"

 

Estando neste momento a decorrer as férias de verão’11, as crianças vão ser presenteadas com uma visita guiada na zona envolvente do Mosteiro de Paço de Sousa utilizando os Áudio-Walk e também com uma leitura encenada.

Viagens com Alma é um projecto de cruzamento entre identidade cultural, criação artística, inventário religioso e turismo. Um projecto que utiliza a arte como factor integrador.

 

O Audio-Walk é o resultado do encontro de uma banda sonora com uma determinada paisagem e arquitectura. O participante – aquele que passeia – transforma-se no agente final do processo criativo, ao levar a ficção da banda sonora ao encontro da paisagem que a determinou e que lhe dá sentido.

 

Os Audio-Walks de Paço de Sousa são ficções guiadas pelo Espírito dos Lugares onde os percursos se desenrolam. Temos MP3s e auscultadores à sua espera. O acesso é livre. Venha passear connosco!

Horários:

Mosteiro de São Salvador de Paço de Sousa: Terça, Sábado e Domingo das 15h às 17h

Duração: Cerca de 25 minutos cada percurso

M12

Info e Reservas

www.viagenscomalma.eu | mail@visoesuteis.pt | 22 200 61 44 | 93 176 54 75

 

 

Felgueiras: Três centenas de pessoas na primeira “Noite do Arcebispado”

Três centenas de pessoas deram, no passado sábado, dia 02, as boas-vindas à primeira “Noite do Arcebispado”. A Igreja de São Vicente Sousa, monumento que integra a Rota do Românico e que serviu de cenário ao evento, e a peça de teatro "Teresa, Rainha de Portugal", pelo Centro de Criatividade da Póvoa de Lanhoso, numa encenação do reconhecido encenador Moncho Rodriguez e inspirada na mãe de D. Afonso Henriques, foram as principais atrações da noite, inteiramente dedicada à Rota do Românico.

 

O espetáculo, de grande força visual, construído na mistura de linguagens, entre música, canto e interpretação, cativou os espetadores, produzindo a sensação de uma viagem ao imaginário do passado, da história de Portugal, da vida de D. Teresa e de D. Afonso Henriques.

 

O programa de animação das “Noites do Arcebispado” prossegue este sábado, dia 9, pelas 22.00 horas, desta vez na Casa do Arcebispado, em Sousa, no concelho de Felgueiras.

 

António Victorino D’Almeida será a figura de proa da próxima noite. O compositor, músico e pianista far-se-á acompanhar em palco pelo pianista João Lima e por Miguel Leite, recriando um concerto comentado a duas vozes. Um convite para uma “Viagem ao Mundo dos Sons”, percorrendo cerca de 300 anos de história da música, de Bach aos nossos dias.

 

Na bagagem, o maestro trará, ainda, o espetáculo "Pequena História da Canção Francesa", um momento que nos fará percorrer os sons característicos da cultura musical francesa. Recorde músicas de Edith Piaff, Jaques Brell e Charles Aznavour, entre outros nomes sonantes da música francesa, genialmente interpretados ao piano por António Victorino D’Almeida.  

 

Nádia Sousa, solista, dá voz a este espetáculo, enquanto o maestro interage com o público, como orador, contando curiosidades, criando momentos intimistas, em que relata pormenores da vida e obra destes artistas.

 

As “Noites do Arcebispado” inserem-se no Projeto de Reabilitação promovido pela Casa do Arcebispado, contando com o apoio da Junta de Freguesia de Sousa, da Rota do Românico e de outras entidades locais e regionais.

 

Assente numa estratégia de desenvolvimento sustentável, este Projeto prevê, entre outras, a requalificação da área habitacional circunvizinha à Casa do Arcebispado e a dinamização de um conjunto de ações de índole sociocultural. 

 

Afirmando o seu carácter de intervenção comunitária, o Projeto de Reabilitação da Casa do Arcebispado pretende contribuir para a regeneração da freguesia de Sousa, dando visibilidade ao capital com que já conta no domínio paisagístico, cultural e económico.

 

As “Noites do Arcebispado” têm entrada livre, estando o seu programa sujeito a alterações devido às condições climatéricas.

 

Comunicado do Bloco de Esquerda do Vale do Sousa o encerramento dos CTT em Cête

O Bloco de Esquerda do Vale do Sousa vem expressar com o presente comunicado a sua total solidariedade para com a população de Cête, naquilo que consideramos ser mais um ataque aos serviços públicos, e por isso mais um ataque à democracia, com o encerramento no passado mês de Junho da estação dos CTT de Cête.

É de salientar que neste momento os serviços que no passado eram da responsabilidade dos CTT foram agora entregues a uma agência de contabilidade. Parece ao Bloco de Esquerda uma total irresponsabilidade, a entrega deste tipo de serviços a uma empresa privada que não aparenta qualquer especialização no assunto. Criticamos assim esta política puramente economicista, que continua a condicionar a vida de centenas de pessoas, e a atentar contra os pilares da democracia e do estado social.

Este tipo de serviço público como os CTT reveste-se de grande importância para a população residente nesta zona do concelho de Paredes, em especial para a população idosa e sem transportes próprios, que via nesta prestação de serviços algum apoio e comodidade.

Embora os serviços continuem assegurados, a sua transferência para uma empresa privada revela o inicio de uma privatização maciça, já anunciada pelo actual governo de coligação PSD-CDS. Entregar um serviço público desta natureza a uma entidade privada é entregar a vida de pessoas aos interesses económicos de uma empresa. E com isso o Bloco de Esquerda não pode compactuar.

Deixamos o apelo: Vamos voltar ao essencial, as pessoas!

 

Bloco de Esquerda Vale do Sousa

 

 

PFR Invest consegue maior candidatura individual de sempre no concelho

A CCDR-N e a PFR Invest vão assinar, no dia 7 de Julho, às 17h00, no Salão Nobre da Câmara Municipal, o contrato de financiamento comunitário do Pólo 5 da Cidade Empresarial de Paços de Ferreira. A CCDR-N definiu um plano de acção que visa criar uma rede de acolhimento empresarial de excelência para o Norte do país. É uma rede muito seleccionada, tem apenas 8 áreas de acolhimento empresarial, e uma delas é precisamente o Pólo 5 da Cidade Empresarial de Paços de Ferreira.

O Pólo 5 representa um investimento total em infra-estruturas de 8 milhões de euros, e é comparticipado pelos fundos comunitários com 6,3 milhões de euros a fundo perdido, a maior candidatura individual alguma vez aprovada para o concelho.

 

O projecto do Pólo 5 tem uma área total de 210 mil metros quadrados, distribuídos pelas freguesias de Ferreira, Carvalhosa e Freamunde. 171 mil metros quadrados dizem respeito a área de acolhimento empresarial nova, zona virgem. Os restantes 35 mil metros quadrados correspondem a uma área industrial já existente em Freamunde, que será reestruturada e qualificada com este projecto.

Com o Pólo 5, a Cidade Empresarial melhorará significativamente o nível de serviços que coloca à disposição dos empresários que ali se instalam. Porque para além de todo o apoio de business intelligence, rede de parcerias e mecanismos de financiamento que a PFR Invest já presta aos investidores que se instalam na Cidade Empresarial, com este projecto será possível disponibilizar serviços avançados de segurança, controle de acessos e videovigilância, serviços ambientais e de gestão de resíduos, bem como serviços de telecomunicações em fibra óptica, armazenamento de dados, tratamento documental, entre muitos outros.
 
 

Ler, Criar e Crescer durante o verão na Biblioteca de Penafiel

 

Nos meses de Julho e Agosto o Serviço Educativo da Biblioteca será palco da iniciativa Ler, Criar e Crescer que tem por objectivo dinamizar um conjunto de actividades lúdico-pedagógicas e culturais, a fim de proporcionar momentos de aprendizagem, convívio e diversão. A promoção do conhecimento, do livro e da leitura elegem-se como base em todas as acções.

As actividades são variadas e relacionam-se com a leitura, artes plásticas, educação ambiental e educação para a cidadania e são dirigidas a crianças dos 6 aos 15 anos, representando uma alternativa nos seus tempos livres. Das inúmeras actividades destacam-se as seguintes:

- O Passaporte da Leitura é o desafio colocado a crianças e jovens no sentido da angariação de novos leitores tendo presente a promoção do livro e a leitura. Do you like to read?Gostas de ler? É a questão que colocada, sendo de seguida proposto o When it's too hot to play outside this summer, grab a book from the library and settle down in a cool place and read a book! desafio de aderirem ao sistema de empréstimo da Biblioteca e lerem 10 livros durante os meses de Julho e Agosto. Para provar que leram têm que entregar um pequeno resumo ou desenho (no caso dos mais novos) que ilustre o que aconteceu no livro. A cada resumo que entreguem ficam com um carimbo no passaporte. No final recebem um diploma de Melhor Leitordo Verão 2011 e ainda um prémio surpresa. Dirijam-se à biblioteca e comecem hoje mesmo a ler!

- Yoga & Leitura foi pensado tendo em conta o desenvolvimento harmonioso das crianças. Assim, realizar-se-ão sessões de Yoga conjugando a promoção da leitura.

- Leituras com Aromas é um atelier que se inicia com a selecção de poemas ou mensagens, seguido da confecção de pequenos sacos de tecido que se encherão com ervas aromáticas. As mensagens, inicialmente seleccionadas, acompanharão os sacos. Esta acção será dinamizada pelo Serviço Educativo e por idosos da comunidade e insere-se no programa de comemorações do Dia dos Avós.

 As actividades são gratuita sendo, no entanto, necessária a inscrição.

 

 

Paredes: 100 KM A NADAR

 

Organização: Pelouro do Desporto da Câmara Municipal de Paredes

 

Data: Sábado, 2 de Julho 2011

 

Programa:

14h30 – 20h00: Prova

20h00 – 00h00: Jantar (porco no espeto) e espectáculo de dança

 

Local: Piscina Municipal de Paredes

 

Pág. 5/5