Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vale do Sousa em Destaque

Castelo de Paiva - Felgueiras - Lousada - Paços de Ferreira - Paredes - Penafiel

Personalidades do futebol, política, moda, TV e do espectáculo na abertura da 10ª Feira Vinho Verde

Certame atrai milhares de visitantes a Castelo de Paiva
Personalidades do futebol, da politica, da moda, da TV e do espectáculo na abertura da 10ª Feira do Vinho Verde, Gastronomia e Artesanato
* vinhos premiados pela CVRVV vão ser atractivo do evento
 

Milhares de visitantes são esperados a partir de hoje em Castelo de Paiva, com o arranque da 10º Feira do Vinho Verde, Gastronomia e Artesanato, uma aposta forte da CM de Castelo de Paiva, que continua a promover a um certame de nível nacional, agendado para este fim de semana e que visa valorizar a produção vitícola do concelho, promovendo o produto agrícola mais conhecido e premiado da região.

 

Na cerimónia de abertura, marcada para as 16h00 nos Paços do Concelho e presidida pelo edil paivense Paulo Teixeira, vão estar presentes figuras emblemáticas do futebol, da politica, da moda, da TV e do mundo do espectáculo, como Toni, antigo treinador do SL Benfica, João Pinto, ex-jogador do FC do Porto, Manuel Serrão, do Portugal Fashion e da ANJE, o deputado europeu Silva Peneda,  para além de ex-ministros, autarcas vizinhos e diversos deputados da Assembleia da República, ligados a diversas estruturas politicas.

Na tarde de Sábado, dia 30, a partir das 16 horas, está prevista uma recepção ao Embaixador da Rússia em Portugal, Pavel Petrowsky , que volta ao concelho para conhecer a grandeza do certame e a dimensão do sector vitícola em Castelo de Paiva.

            A iniciativa que, para além de dar a conhecer os afamados vinhos de qualidade de Castelo de Paiva, vai contar com outras actividades paralelas, como a apresentação da excelente gastronomia paivense e uma demonstração do artesanato local, tudo estruturado em três dias de grande animação, onde não vai faltar o folclore local e a musica tradicional portuguesa, para além de outras atracções que enriquecem o programa apresentado pelo edilidade paivense.

Será pois, a oportunidade única de apreciar os vinhos dos produtores da Sub Região do Paiva, muitos deles recentemente premiados no concurso anual da Comissão Regional de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes – CRVRVV, degustar a saborosa cozinha regional paivense, e ao mesmo tempo ficar a conhecer a riqueza do trabalho dos artesãos do concelho, sem esquecer um programa lúdico, que este ano tem na Banda do Galo de Barcelos, a principal novidade.

Depois da sessão solene e da cerimónia de abertura da feira, e da habitual ronda pelas tasquinhas, restaurantes e expositores, o certame acolhe as primeiras  “ provas de vinho “ e as “ jornadas gastronómicas “, privilegiando pratos locais e as especialidades mais conhecidas da região, a par da doçaria do concelho.
Na primeira noite, a animação da feira estará a cargo dos Ranchos Folclóricos de Danças e Cantares do Paraíso e S. Martinho, para além da participação muito esperada da famosa Banda do Galo, da cidade de Barcelos.

No Sábado, o melhor da cozinha tradicional volta a estar em evidência à hora de almoço e jantar, com tempo para as provas dos novos vinhos e espumantes da Sub Região do Paiva, merecendo destaque em matéria de animação, a apresentação dos Grupos Folclóricos de Bairros e de Nª Senhora das Amoras, bem como o Grupo de Bombos dos “ Amigos de Cima “ e o Grupo de Concertinas Flor do Sabugueiro.

No Domingo, ultimo dia da feira, para além das habituais provas de vinhos, a jornadas gastronómicas serão animadas pelo Rancho Folclórico de Castelo de Paiva, pelo Grupo “ Os Amigos da Portela “ e pelo conhecido grupo de musica tradicional portuguesa “ É já a seguir “.

Neste evento, que já é uma referência nacional no sector vitícola, vão estar presentes 17 produtores de marca e a Adega Cooperativa de Castelo de Paiva, para além de cinco restaurantes e diversos espaços dedicados ao sector do fumeiro e dos enchidos, bem como à doçaria regional paivense, ao artesanato e ás próprias autarquias e IPSS do concelho.

Na Rota do Melhor Verde Tinto do Mundo

            Para alem da Adega Cooperativa, com os seus vinhos e espumantes, onde se destaca a marca Chapeludo, que recentemente voltou a ser premiada, e que consolida uma posição forte nos circuitos comerciais, vários são os produtores individuais que vão marcar presença nesta feira, como a Quinta do Toutiçal, a Quinta do Gomes, o Empreendimento Agrícola Algarouteiro, a Quinta de Curvite, a Quinta de Belmonte, a Quinta Encosta da Cerca, Quinta do Sorrego, a Quinta Terras de Stª Marinha, a Quinta do Covelo, a Quinta do Burgo, a Quinta de Toirões, a Quinta da Algubada, a Quinta Vale das Fontaínhas, a Quinta do Carreiro, a Quinta do Carreiro, a Quinta Encosta do Vale, a Quinta da Ribeirinha e a Quinta de Valtruto .

Recorde-se que os vinhos da Sub-Região do Paiva, estiveram em grande destaque no último concurso da CVRVV, destacando-se a Adega Cooperativa de Castelo de Paiva, com as distinções de Verde Prata para o Verde Tinto Chapeludo, Verde de Honra para Chapeludo Arinto e Verde de Honra para o Chapeludo Vinhão, tal como foi premiado também o Vinho Verde Arinto da Quinta do Toutiçal, com o prémio Verde de Honra.

            Em evidência nesta avaliação anual esteve, sem dúvida,  a Quinta da Corga da Chã, na freguesia do Paraíso, que de uma assentada, arrancou as melhores distinções para o concelho, com um Verde de Ouro para o seu vinho verde arinto, e um Verde Prata para o vinho verde trajadura

Também a Quinta do Covêlo em Fornos, com a marca Saramagosa, foi também distinguida neste concurso da CVRVV, recolhendo duas distinções ( Verde de Honra ) ao nível da sua produção de Verde Arinto e Verde Trajadura.

            Os espaços dedicados ao sector do fumeiro e dos enchidos voltam a estar representados e no que à gastronomia paivense diz respeito o certame  vai contar com a presença do Restaurante Os Gonzagas, Restaurante Casa do Zé, Restaurante Porta da Chã, Adega Regional “ O Carriço “, Restaurante Malhadoura e o Restaurante o Pinhal, para animar as jornadas gastronómicas, de três dias de festa para despertar sabores e apetites, com as iguarias e especialidades típicas e a famosa doçaria do concelho.

            Ao nível do artesanato vão estar patentes cerca de 20 expositores, mostrando o que de melhor sabem fazer com os cobres artísticos, rendas, bordados, tapeçarias, cestaria, rochas ornamentais, construções em xisto, trabalhos em ferro, arranjos decorativos, entre outras actividades tipicamente artesanais.

            As Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho também vão estar presentes, tal como as Juntas de Freguesia , bem como outros organismos e empresas ligadas ao sector da comunicação social.

            Rui César Castro, vice-presidente da CM e responsável pela iniciativa, mostra-se satisfeito pela adesão conseguida, ultrapassando as sete dezenas de expositores e fez questão de realçar a vontade e o empenhamento de todos para o engrandecimento deste evento que, na sua opinião, “ já é uma referência nacional, atraindo milhares de visitantes, muitos deles do estrangeiro, evidenciando-se o nosso potencial para projectar o município de Castelo de Paiva aos mais diversos níveis.

Também Paulo Teixeira, presidente da autraquia de Castelo de Paiva, destaca que, “ para além de ser um reconhecimento aos agricultores paivenses que se dedicam de “ corpo e alma “ ao sector da vinha, esta feira representa uma excelente oportunidade de promoção e de negócio, um momento único para apreciar vinhos de superior qualidade, cada vez mais premiados, bem como divulgar a nossa cozinha regional, a beleza do nosso artesanato, a dinâmica das nossas Juntas de Freguesia e a pujança do nosso associativismo, ao mesmo tempo dar a conhecer as potencialidades turísticas de uma terra que tem o gosto e o hábito de bem receber “.

No espaço do Largo do Conde, numa zona ampla e acolhedora, o convite da autarquia para três dias de grande festa orienta-nos para o despertar de apetites e sabores, numa jornada de estratégia promocional, ajustada ao prestígio por todos reconhecido, dos excelentes vinhos da SUB REGIÂO DE PAIVA, neste caso, com o complemento das famosas iguarias paivenses, a justificar a vinda de milhares de visitantes a este certame cada vez mais referenciado a nível nacional.
GIRP/Carlos Oliveira
 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.