Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vale do Sousa em Destaque

Castelo de Paiva - Felgueiras - Lousada - Paços de Ferreira - Paredes - Penafiel

Lousada: Plantação da “Árvore do Foral”

Plantação Árvore do Foral.JPGAssinalar o Dia da Floresta Autóctone

 

Foram vários os alunos do 1.º ciclo que na quinta e sexta-feira tiveram a oportunidade de participar em atividades relacionadas com o Ambiente. O espetáculo do Filipe Pinto, na quinta-feira à tarde, e a plantação de árvores, na sexta-feira de manhã, foram os dois pontos altos para assinalar o Dia da Floresta Autóctone sendo a data oficial comemorada no domingo seguinte.

Na quinta-feira o Auditório Municipal esteve repleto de crianças, professores e funcionários de escolas do concelho que assistiram ao espetáculo “O planeta limpo do Filipe Pinto”.

Estiveram a assistir alunos do 3.º e 4.º anos das EB1de Boim, de Cristelos, Ordem, Pias e o 2.º e 3.º anos da EB1 de Pereiras, Caíde de Rei. Cerca de 220 espetadores para assistir e participar no musical.

Filipe Pinto teve oportunidade de destacar facto “do espetáculo mostrar a vertente ambiental aliada à música”, sendo uma forma de ensinar ao mesmo tempo em que as crianças se divertem.

Esta é a terceira edição do livro que dá nome ao espetáculo e que passa por juntar toda a comunidade escolar em torno do tema Ambiente que trata de assuntos tão diversos como a água, a questão energética, entre outros.

Filipe Pinto fez questão de autografar os livros e conversar um pouco com cada criança, “de modo a ter a perceção daquilo que os mais novos aprenderam com o espetáculo, na medida em que se torna importante este contacto direto com os mais novos”.

O Vereador do Ambiente, Dr. Manuel Nunes, salientou o facto deste espetáculo “se enquadrar num projeto mais amplo que a autarquia está a desenvolver. Esta pode ainda ser vista como parte da componente pedagógica da comemoração dos 500 anos da atribuição do Foral, tendo sido desenvolvidas diversas iniciativas, nomeadamente na área ambiental”.

 

Os alunos presentes estão ligados ao projeto Eco Escolas, e este é um modo de os agraciar pelo trabalho que têm desenvolvido.

Ainda na opinião do Dr. Manuel Nunes “a educação ambiental não é, habitualmente, uma prioridade nos currículos. Pretendemos que esta área faça parte dos planos de estudos de forma efetiva ou até mesmo através de uma oferta realizada através da Câmara Municipal”.

Plantada a Árvore do Foral

A manhã de sexta-feira foi animada com a presença dos alunos dos Centros Escolares do Torno e de Vilar do Torno e Alentém e também do Externato Senhora do Carmo. Cerca de 500 alunos estiveram na Mata de Vilar onde puderam participar na iniciativa “500 anos, 500 árvores” e também na plantação da Árvore do Foral.

Esta iniciativa teve como objetivo a plantação de árvores autóctones ou seja, as que são originárias do nosso país, como é o caso dos carvalhos, dos azevinhos, dos medronheiros, dos loureiros e dos sobreiros, mas também a recolha bolotas e a sua sementeira em pacotes de leite, ou garrafas de plástico, e fazer um viveiro de plantas que no próximo ano vão estra prontas a ser plantadas.

Os mais novos, conjuntamente com os professores e técnicos da autarquia, participaram num passeio pedestre para reconhecimento e identificação das árvores autóctones existentes na Mata de Vilar.

A atividade comemorativa na Mata de Vilar teve como um dos pontos altos a plantação da “Árvore do Foral”, como modo de assinalar os 500 anos do Foral de Lousada.

 

CM Lousada